Portal Caparaó

carregando...

COLUNISTAS

Check Up Básico, Um check up de rotina é sempre uma boa pedida para acompanhar a saúde do seu animal.

Assim como os donos dos cães e gatos, os animais devem ir ao veterinário constantemente e alguns exames não podem ser dispensados. Por que, se meu animal está saudável?, você pode pensar. Simples: da mesma forma que humanos, há sempre doenças silenciosas que podem até causar a morte do seu melhor amigo. Sempre alguns sinais clínicos de doenças em cães e gatos passam desapercebidos, como manchas na pele como sinal de câncer, alguns carocinhos que podem ser mais que apenas uma cicatriz de arranhão.

No check up, porém, pode-se apenas diagnosticar doenças com sinais clínicos claros. Doenças mais severas precisam de exames médicos mais completos e profundos.

E assim como nos humanos, prevenir é sempre melhor que remediar. Os exames ajudam a detectar precocemente diabetes, insuficiência renal, presença de parasitas e outras doenças.

Por que é tão importante descobrir esses problemas de saúde o quanto antes? Porque o tratamento é mais fácil e as chances de cura, maiores.

Exame De Sangue De Rotina

Toda vez que um humano entra em um médico depois de um longo período de visitas pede-se as mesmas coisas: exame de sangue, para saber o que exatamente o que se tem por dentro do corpo, o que anda circulando e não deixou sintomas claros. Com o animal será a mesma coisa, pois com o exame de sangue é possível saber exatamente quais tipos de infecção ele tem sem sinais clínicos na pele.

O exame de sangue geralmente é pedido pelo veterinário quando há sintomas não facilmente identificáveis no animal. Mas os donos mais atentos podem pedir um exame de rotina há cada um ano e assim ajudar a prevenir doenças. Assim como nos humanos, a análise do sangue pode relevar células cancerígenas e assim aumentar as chances de vida do animal ao tentar combater esta doença.

Os exames de sangue também são responsáveis por identificar doenças graves que apenas o visual não pode. São grandes exemplos os sinais clínicos de erliquiose, a doença do carrapato, altamente grave em cães e com alta possibilidade de tornar o problema fatal.

A diabetes, por exemplo, pode provocar o aparecimento de catarata (principalmente em cães) e levar à cegueira quando não é tratada a tempo. O animal doente passa a urinar mais (poliúria), beber mais água (polidipsia), comer mais (polifagia) e, com a evolução da doença, emagrece bastante. A insuficiência renal também é uma doença degenerativa e, nos estágios mais avançados, leva à morte. Seus principais sintomas são: vômitos, desidratação, polidipsia, poliúria e anorexia (falta de apetite). Os parasitas causam diarreia, vômitos e emagrecimento (mesmo que o animal esteja se alimentando normalmente). Esses são apenas alguns exemplos de doenças que podem atingir seu animal de estimação. Muitas delas não provocam sintomas tão evidentes. Por isso, procure um veterinário se notar que seu animal está triste, (apático) e sem apetite.

Atualmente, a Clinica Veterinária Bicho Vivo conta com um laboratório que faz análises e libera o resultado em 20 minutos, facilitando a vida do proprietário, sempre tão corrida. No momento da consulta, já colhe o material e imediatamente começa a fazer os exames, saindo da consulta com prescrição dos medicamentos com o máximo de confiança.

Compartilhar

Últimas Colunas

Renata Miranda da Cruz

Médica Veterinária da Clínica Veterinária Bicho Vivo - Formada pela UFMG -Pós Graduada em Dermatologia de pequenos animais e especializada em clínica com serviços de consulta, cirurgia, internação e ultrassonografia.