Portal Caparaó

GERAL

22/02/2018 - Atualizado em 23/02/2018 12h45

Paróquia de Santa Margarida faz ações na Campanha da Fraternidade

SANTA MARGARIDA (MG) - A Paróquia de Santa Margarida de Antioquia realizou, na quarta-feira de cinzas, uma missa campal para cerca de duas mil pessoas. A cerimônia abriu a Campanha da Fraternidade de 2018, que aborda o tema “Fraternidade e superação da violência”.

Neste, o tema escolhido tem como objetivo geral a construção da fraternidade, promovendo a cultura da paz, da reconciliação e da justiça, à luz da palavra de Deus, como caminho de superação da violência. Ele foi escolhido ainda em 2016, ano em que o Brasil teve recorde de mortes violentas intencionais, como homicídios e latrocínios: 61 619 vítimas, o equivalente a 168 por dia, segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Santa Margarida foi palco de um dos crimes mais violentos da região, em julho do ano passado, quando um policial e um vigilante foram mortos num assalto a bancos.

O lema da CF 2018 é "Vós sois todos irmãos", é baseado em uma passagem da Bíblia, em Mateus 23,8, que diz: "Mas vós não vos façais chamar rabi, porque um só é o vosso preceptor, e vós sois todos irmãos." 

Após a missa, houve uma passeata e benção do Santíssimo na cidade.

Momento forte e marcante onde a comunidade pode expressar através de faixas e cartazes que é contra todo e qualquer tipo de violência.

A Campanha da Fraternidade é realizada todos os anos pela CNBB desde 1964. O evento católico é sempre iniciado na quarta-feira de cinzas, quando tem início a Quaresma, período de 40 dias no qual a Igreja Católica convida os fiéis a praticar a oração e o jejum até o domingo de Ramos, em 25 de março.

Redação do Portal Caparaó

Compartilhar

Comentários

O Portal Caparaó não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens. O Portal Caparaó se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas. As opiniões são de responsabilidade de seus autores.