Portal Caparaó

AGRONÉGOCIOS

31/07/2018 - Atualizado em 01/08/2018 11h48

Café das Matas de Minas é destaque em trevo da cidade

MANHUAÇU (MG) - A qualidade dos cafés das Matas de Minas presente no município foi estampada em uma nova placa do Trevo do Cafeicultor (trevo de acesso à Realeza), na Praça Pedro Faria, colocada pela Secretaria de Agricultura da Prefeitura de Manhuaçu.

Na tarde desta terça-feira, 24/07, o Secretário M. de Agricultura, Flânio Alves da Silva, visitou o local, acompanhado do Presidente do STR/ Manhuaçu (Sindicato dos Trabalhadores Rurais), Marco Antônio Domingo; Gisele Barros (CRESOL), e extensionistas da EMATER, José Antônio do Nascimento, Paulo César e Thiago Braga.

Sobre este contínuo trabalho direcionado ao fortalecimento da cafeicultura na região, Flânio lembra que há alguns anos, a região não era conhecida como produtora de café de qualidade. Houve um grande esforço em conjunto por parte do Conselho dos Cafés das Matas de Minas, entidades governamentais e outras instituições, sindicatos e EMATER, de criar a região das Matas de Minas. ‘Antes, aqui era conhecido como região Zona da Mata, o que trazia conotação de café de qualidade inferior. Hoje, com as Matas de Minas, este conceito mudou e temos um novo referencial de café. A Prefeita tem dado todo apoio a este trabalho e nas demais ações relacionadas à agricultura familiar. Temos realizado concursos de qualidade do café e diversas outras iniciativas. É um trabalho que envolve inteligentes parcerias, para que possamos sempre incentivar e propiciar condições para que os cafeicultores melhorem a qualidade do grão produzido nas Matas de Minas’.

O Presidente do STR, Marco Antônio, reforça que ‘o sindicato é parceiro, acredita no café. Trabalhamos em rede com demais parceiros no intuito de valorizar os cafeicultores da agricultura familiar. Esforçamo-nos para que os cafeicultores da região se profissionalizem, de modo a produzir café de qualidade e, com isto, agregar maior valor ao grão, melhorando as condições de vida do nosso povo. A placa é um instrumento de divulgação, onde várias pessoas passam. Agora temos, no trevo, este reforço de informação quanto ao café de qualidade que temos na região’.

Para o Extensionista Paulo César (PC) ‘identidade é a palavra certa para definir este trabalho realizado em prol da cafeicultura. A região se destaca pelo café de qualidade, e, agora temos a identidade do café das Matas de Minas, e, nada mais certo que esta identidade ser mostrada aqui na entrada da cidade. As pessoas transitam na rodovia e agora tem a oportunidade de saber que Manhuaçu produz os melhores cafés das Matas de Minas.

Secretaria de Comunicação Social

Compartilhar

Comentários

O Portal Caparaó não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens. O Portal Caparaó se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas. As opiniões são de responsabilidade de seus autores.